Polícia prende em Campina Grande foragido da Justiça

Polícia prende em Campina Grande foragido da Justiça
Policiais civis da 7ª Delegacia Distrital de Campina Grande no agreste paraibano com o apoio da 5ª Delegacia da Infância e da Adolescência da cidade cumpriram na manhã dessa segunda feira (20) o mandado de prisão expedido pelo juiz Gustavo Pessoa Tavares de Lyra da Vara de Execução Penal de Campina, contra o servente de pedreiro, José Mauro da Silva Oliveira, 21 anos.
José Mauro que responde pelo crime de roubo em regime semi aberto, descumpriu a lei quando deixou de se apresentar ao Presídio, por este motivo perdeu o beneficio e passou a ser considerado foragido da Justiça. O mandado de prisão contra ele foi expedido no dia 02 de março desse ano, mas antes mesmo disso, o agente de pedreiro já estava sendo investigado pelos policiais.  
O trabalho começou há alguns meses e em algumas ocasiões José Mauro foi visto na cidade, mas quando os policiais se aproximavam o servente de pedreiro escapava. Na manhã de hoje os agentes de investigação receberam a informação que ele estaria escondido em uma casa no bairro Catingueira. Eles foram até o local e depois de uma busca encontraram o foragido da Justiça, José Mauro.
O servente de pedreiro foi encaminhado para a Delegacia e depois de ser ouvido recolhido na carceragem da Central de Polícia no bairro do Catolé. Nessa terça feira ele será apresentado ao Juiz na audiência de custodia que avalia a legalidade da prisão. Como já tem mandado de prisão definitiva, depois disso José Mauro será levado para o Presídio Padrão para cumprir cinco anos de reclusão por roubo.